CBA Alumínio

Nossa Trajetória

Unimos uma história de vitórias a um futuro de conquistas.

banner banner

Temos orgulho de onde viemos.


Temos orgulho do nosso passado e para onde ele pode nos levar. Sem medo de mudar, renovar, evoluir.

2010

2018

banner

2018

Uma nova marca, uma única trajetória de crescimento responsável.

Somos a CBA do Futuro. Somos a liga entre o mundo do alumínio e o mundo das pessoas.

banner

2017

Lançamento do Legado Verdes do Cerrado a primeira Reserva de Desenvolvimento Sustentável nesse bioma, localizada no Estado de Goiás.

banner

2017

Inauguração do Centro de Soluções e Serviços da fábrica Alumínio.

2016

Reestruturação organizacional com a criação da área de Negócio de produtos Primários e a área de Negócio de produtos Transformados.

2015

Definida nova estratégia (Horizontes) com o foco em excelência operacional para o Negócio de produtos Primários e provedor de soluções e serviços para o Negócio de produtos Transformados.

banner

2014

É inaugurada em abril a nova filial da CBA, localizada na cidade de Sorocaba (SP).

banner

2012

Lançamento do Legado das Águas, a maior Reserva Privada de Mata Atlântica, localizada no Estado de São Paulo.

banner

2010

A CBA adquire a Metalex, em Araçariguama (SP). Unidade de reciclagem de alumínio industrial.

banner

2010

Inauguração do Centro de Tratamento de Superfície de Perfis de Alumínio.

2000

2009

banner

2009

Antônio Ermírio de Moraes deixa a presidência da CBA e a empresa é integrada à Votorantim Metais.

banner

2008

Começam as operações da CBA em Miraí (MG).

banner

2007

A CBA inaugura expansão e passa a operar a maior fábrica de alumínio da América Latina, com capacidade de 475 mil toneladas/ano.

banner

2006

Inauguração da Laminação 2000 na fábrica. Única planta na América Latina que produz bobinas de 2 mm.

banner

2003

Começa a ser construída a unidade da CBA em Miraí (MG).

1990

1999

banner

1992

Em fevereiro, iniciaram-se os trabalhos de lavra e beneficiamento em Itamarati de Minas (MG). Seis meses depois, já ocorriam os primeiros embarques de bauxita para a fábrica.

1990

Construção das Usinas Canoas I e II e Piraju.

1980

1989

banner

1989

Inauguração da Usina Hidrelétrica Salto do Iporanga.

1988

Inicia-se o trabalho de construção das instalações das operações para mineração na Zona da Mata mineira.

banner

1986

Inauguração da Usina Hidrelétrica Barra.

1986

A CBA se torna uma das maiores fábricas integradas de alumínio do mundo, produzindo 170 mil toneladas/ano.

banner

1982

Inauguração da Usina Hidrelétrica Porto Raso.

banner

1980

A CBA adquire uma jazida de bauxita em Itamarati de Minas (MG) e, após oito anos de análises, o seu enorme potencial para extração é identificado.

1970

1979

banner

1978

Inauguração da Usina Hidrelétrica Serraria.

banner

1974

Inauguração da Usina Hidrelétrica Alecrim.

banner

1973

A CBA se torna a maior fabricante de alumínio do país, respondendo por 30% do volume total produzido.

1972

A CBA é a primeira fabricante nacional de alumínio, com 36% de participação na produção.

1960

1969

1969

Início das obras de expansão e atualização tecnológica de toda a fábrica da CBA.

banner

1964

Inauguração da Usina Hidrelétrica Fumaça.

1950

1959

banner

1957

Entra em operação a Usina Hidrelétrica do França, produzida pelo próprio pessoal da CBA.

banner

1955

É inaugurada a Companhia Brasileira de Alumínio, a primeira indústria integrada de Alumínio do Brasil. Inicia-se a produção da CBA.

1940

1949

banner

1949

Início da construção da Companhia Brasileira de Alumínio.

banner

1941

Em fevereiro deste ano surge a CBA, com plano inicial de explorar as jazidas de bauxita em Poços de Caldas (MG) para beneficiamento em uma fábrica localizada na fazenda Rodovalho, em Mairinque (SP).